Acesso Associados       Contato
 
Notícias

Workshop para operadoras esclarece pontos da IN nº 54

A medida permite um melhor resultado financeiro às operadoras comprometidas com a boa gestão, propiciando o incremento da solvência e da disponibilidade de recursos para cobrir despesas assistenciais de forma adequada, contribuindo para a continuidade da assistência à saúde contratada pelo beneficiário.

“O objetivo é que haja prudência na gestão da operadora para a constante qualidade da atenção à saúde. O bloqueio dos ativos é a regra, a movimentação é a exceção; por isso a ANS é sempre tão criteriosa na autorização para a movimentação dos recursos", explicou César Serra, diretor-adjunto de Normas e Habilitação das Operadoras (Diope) da ANS.

"Em um momento de crise econômica e de altas taxas de juros, é de grande importância a liberdade que o regulador está dando às operadoras, resultado de uma maturidade do mercado percebida pela nossa área técnica", disse o gerente geral Bruno Martins Rodrigues. "A operadora que se mantiver regular, mantendo os critérios de transparência exigidos pela ANS, terá a sua autorização anual sempre renovada. Caso contrário, a mesma será cancelada", completou o coordenador Márcio Nunes de Paula.

Também participaram do Workshop Ativos Garantidores representantes do Sistema Especial de Liquidação e de Custódia (Selic/Banco Central) e da B3 (Cetip e BM&F Bovespa).

Confira a íntegra da Instrução Normativa (IN) nº 54.

Workshop ativos2

Cesar Serra, diretor-adjunto da Diope, apresenta a IN nº 54

Workshop ativos

Público presente no workshop

Fonte: ANS

Voltar

FEHOSPAR
Federação dos Hospitais e Estabelecimentos de Serviço de Saúde no Estado do Paraná

R. Senador Xavier da Silva, 294 - São Francisco - Curitiba - PR - CEP: 80350-060
Fone: (41) 3254-1772 - e-mail: fehospar@fehospar.com.br

Copyright Fehospar © Todos os Direito Reservados.

hidea.com

Facebook